Melhorias e inúmeros benefícios para a população de Itabaiana. É esse
o cenário do município com o andamento das obras de drenagem e
esgotamento sanitário, promovidas pelo Banco Mundial, em parceria com a
Companhia de Saneamento de Sergipe – Deso e prefeitura do município de
Itabaiana. Em visita as obras, o diretor-presidente da Deso, Carlos
Melo, o diretor de Meio Ambiente e Expansão, Gabriel de Campos, além de
outros representantes da Companhia, puderam conferir as frentes de
serviços com investimentos de aproximadamente R$ 47 milhões e previsão
de conclusão para abril de 2020. Na oportunidade, foi feita uma visita
ao prefeito do município para tratar do licenciamento da obra.

Serviços como a macrodrenagem, microdrenagem e a rede de esgotamento
sanitário, estão em execução no município e deverão sanar problemas
antigos da população. De acordo com Gabriel de Campos, o impacto na
cidade diante das obras são grandes, mas tem sido bem controlado, tanto
do ponto de vista técnico quanto do social, fruto do esforço das
construtoras envolvidas e da Deso com uma equipe de fiscalização.

“Não temos dúvidas que teremos soluções para problemas recorrentes na
cidade a exemplo de alagamentos e, assim, poderemos conduzir a água
para que ela não fique acumulada na região central, tendo um impacto
positivo direto no comércio da cidade. Já temos a estação de tratamento
mais moderna do Estado em Itabaiana. Do ponto de vista do esgotamento
sanitário, teremos o benefício da destinação e tratamento correto aos
efluentes. A cidade caminha para uma evolução, recebendo os benefícios
da urbanização “, destacou o diretor.

  Fotos